Aquarela Carioca R$30,00 ; Aquarela Carioca Contos R$20,00

20180412_175813

20180412_175825

Aquarela Carioca foi um grupo instrumental formado em 1988 por Paulo Muylaert, Mário Sève, Papito, Lui Coimbra, Marcos Suzano.

Transita por um repertório variado, interpretando composições próprias e músicas de Caetano Veloso, Astor Piazzolla, Led Zeppelin e Villa-Lobos, além de temas folclóricos. Devido à originalidade de seus arranjos, é considerado pela crítica especializada como um dos mais importantes grupos instrumentais contemporâneos.

Em 1989, lançou seu primeiro disco, “Aquarela Carioca”, com a participação de Paulo Moura em uma das faixas. Esse trabalho, que fez com que o quinteto fosse considerado Revelação Instrumental do Ano pela Folha de S. Paulo, encabeçou a lista dos 10 melhores discos estrangeiros da revista norte-americana “Beat” e foi indicado para o Prêmio Sharp de Música. Ainda em 1989, o conjunto apresentou-se no Free Jazz Festival.

Em 1991, gravou “Contos”, igualmente indicado para o Prêmio Sharp de Música. O CD contou com a participação de Ney Matogrosso na faixa “Malmequer” (N. Teixeira e C. Alencar), incluída na trilha sonora da minissérie “Teresa Batista” (Rede Globo).

Aquarela Carioca Aquarela Carioca MPB Bom estado. Qualquer dúvida, pergunte a vontade. usado
Aquarela Carioca Contos MPB Bom estado. Qualquer dúvida, pergunte a vontade. usado

FRETE POR CONTA DO COMPRADOR.

CONSULTE O VALOR DO FRETE ENVIANDO UMA PERGUNTA COM O SEU CEP  AQUI NO ANUNCIO OU VIA E-MAIL: frankvende@gmail.com

Aquarela Carioca R$30,00

R$30.00

 

Aquarela Carioca Contos R$20,00

R$20.00

Amadinda Percussion Group Márta, Sary, Cage, Reich; Ragtime, African Music R$50,00

20180412_175613

Amadinda Percussion Group is a percussion ensemble that was formed in Budapest in 1984 by four musicians, who had just after having graduated from the Ferenc Liszt Academy of Music.

Since founding the ensemble, their aim has been twofold: to present masterpieces of percussion music unknown to the Hungarian audience, and to perform the music of Hungarian contemporary composers in their country and abroad. One of their principal intentions is to inspire Hungarian and international composers to create new pieces. In recent years, they have also sought to research traditional percussion cultures, to perform original pieces by members of the group, and to transcribe outstanding works for percussion instruments.

From the very beginning, Amadinda has cooperated with world-famous artists like John Cage (recording his complete works for percussion), Steve Reich, Bruno Canino, Peter Eötvös, Rosemary Hardy, András Keller, Zoltán Kocsis, György Kurtág, György Ligeti, András Schiff, Zoltán Jeney.

Amadinda Percussion Group Márta, Sary, Cage, Reich; Ragtime, African Music Instrumental Bom estado. Qualquer dúvida, pergunte a vontade. usado

FRETE POR CONTA DO COMPRADOR.

CONSULTE O VALOR DO FRETE ENVIANDO UMA PERGUNTA COM O SEU CEP  AQUI NO ANUNCIO OU VIA E-MAIL: frankvende@gmail.com

Amadinda Percussion Group Márta, Sary, Cage, Reich; Ragtime, African Music R$50,00

R$50.00

Projeto B A viagem de Villa-Lobos R$30,00

20180405_182852

Obras de Villa lobos adpatadas pelo sexteto de jazz Projeto B acompanhadas por livro de desenhos.

Projeto B A viagem de Villa-Lobos Instrumental Excelente estado. Funcionando perfeitamente. Qualquer dúvida, pergunte a vontade. usado

FRETE POR CONTA DO COMPRADOR.

CONSULTE O VALOR DO FRETE ENVIANDO UMA PERGUNTA COM O SEU CEP  AQUI NO ANUNCIO OU VIA E-MAIL: frankvende@gmail.com

Projeto B A viagem de Villa-Lobos R$30,00

R$30.00

Eduardo Agni

_MG_4373_MG_4374

Eduardo Agni (Silveiras, 25 de março de 1966) é um violonista e compositor brasileiro radicado na Noruega.

Tornou-se conhecido no cenário da música instrumental por ter desenvolvido técnica e estilo próprios para tocar violão. Utilizando uma forma particular de tapping – técnica que consiste em se utilizar os dedos de ambas as mãos para se percutir as cordas na região do braço do instrumento – Agni constrói inusitadas engrenagens sonoras alicerçadas nos ritmos tradicionais brasileiros.

Eduardo Agni Presságios Latin CD Demo. Muito bom estado. Funcionando perfeitamente. Qualquer dúvida, pergunte a vontade. Usado
Eduardo Agni Oriki Latin Muito bom estado. Funcionando perfeitamente. Qualquer dúvida, pergunte a vontade. Usado

FRETE POR CONTA DO COMPRADOR.

CONSULTE O VALOR DO FRETE ENVIANDO UMA PERGUNTA COM O SEU CEP  AQUI NO ANUNCIO OU VIA E-MAIL: frankvende@gmail.com

Eduardo Agni Presságios R$50,00

R$50.00

Eduardo Agni Oriki

R$20.00

O grande Ah!… – Mariantivel CD R$30,00

_MG_2597

O estado de Minas Gerais tem uma grande tradição a música instrumental. Além de revelar nacionalmente muitos instrumentistas de talento, o estado também abriga uma grande quantidade de formações interessadas em criar caminhos para a música sem voz.
             O trio de Belo Horizonte O Grande Ah!… é um destes grupos, contudo, com projeção limitada à capital mineira. “Mariantível” é o segundo álbum do grupo. Lançado oito anos após a estreia em disco, aqui o trio segue definitivamente o caminho da música instrumental. O que no primeiro disco estava em desenvolvimento, e até mesmo deixou O Grande Ah!… caracterizado por fazer música pretensamente engraçada. Numa resenha publicada na revista Bizz sobre o álbum de 1989 o jornalista Marcel Plasse chegou a definir a banda como uma mistura de Jean Luc Ponty com Lô Borges, e finalizou brilhantemente o pequeno texto ao renomear a banda como O Grande Argh!…
         Em “Mariantível” o trio apresenta boas soluções instrumentais como pode ser observado no fusion da canção título,  na bossa da faixa de abertura, “Bolinha”. Em “Polêmica” o instrumental à 14 Bis dá margens para que a qualquer momento surja a participação de Lô Borges, ela não vem (ufa!). A única com letra é “A sopa” poema de Lewis Carol com tradução de Augusto de Campos sob arranjo de Marcos Pimenta e voz de Letícia Coura.
         Lançado por conta própria, o álbum tem um caprichado projeto gráfico com ficha técnica das gravações e texto de apresentação do jornalista e músico Marcelo Dolabela, autor da maioria das letras do primeiro álbum. O segundo trabalho d’O Grande Ah!… teve repercussão restrita à Belo Horizonte.

O grande Ah!… – Mariantivel

funcionando perfeitamente

FRETE POR CONTA DO COMPRADOR.

CONSULTE O VALOR DO FRETE ENVIANDO UMA PERGUNTA COM O SEU CEP  AQUI NO ANUNCIO OU VIA E-MAIL: frankvende@gmail.com

COMPRAR

Tudo que toco tu tocas cd original R$45,00

IMG_0609

Quatro grandes músicos formam o projeto “Tudo que toco tu tocas”, que utiliza instrumentos  musicais fantásticos construídos com material reciclado, como o “Violixo”, a “Guitalata” e a ” Gavetola”, em obras autorais de música instrumental brasileira.

Tudo que toco tu tocas

excelente estado

FRETE POR CONTA DO COMPRADOR.

CONSULTE O VALOR DO FRETE ENVIANDO UMA PERGUNTA COM O SEU CEP  AQUI NO ANUNCIO OU VIA E-MAIL: frankvende@gmail.com

COMPRAR